Light

Sexta-feira é dia de trazer o caçula na terapia. Enquanto espero na salinha ouço a rádio light que toca os sucessos de ontem e de hoje e flano nas redes sociais, tentando encontrar o que há por trás dessas vidas tão perfeitas. Já não choro mais, mas viver ainda é uma batalha incessante. Agora toca Forever Young e penso que, às vésperas de fazer 45, me sinto matusalênica, mesmo ainda estando à espera da era da sabedoria, porque nunca saí da era das dúvidas. Quase meio século de incertezas, esse cansaço infinito, mas hoje é dia de dançar, faz sol lá fora e aqui dentro talvez já dê para abrir a janela e começar a respirar.

2 pensamentos sobre “Light

  1. Uau! Uma lufada de ar fresco seu estado light! Não aguentava mais sua concretude cristalizada e massacrante! Tanks!!!

    • Desculpas Querida! Aguento sua concretude sim, mas foi muito bom te encontrar com essa leveza possível e necessária! Um bem…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s