Espera

Agora tenho esse corpo exausto, Helena, a mão que aperta o peito segue sufocante, não é justo que depois de tanta luta só me reste essa incapacidade. Como é possível dar tudo tão errado, nem piada é mais possível que se faça. Mas tenho uma passagem e uma promessa, e isso é só o que importa.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s